Logo_FIO_2021.png
UK.png
PT.png

ROSANA ORSINI (BRA/ITA)

Natural de Vitória (BRA), Rosana Orsini é licenciada em canto lírico pela Universidade Federal de Minas Gerais (BRA), mestre em canto pela Manhattan School of Music de Nova York (EUA), pós-graduada em canto pela Royal Academy of Music de Londres (GBR), mestre em História Moderna e Contemporânea pela Université Sorbonne – Paris IV (FRA) e doutorada pelas universidades Sorbonne – Paris IV e NOVA de Lisboa com a tese intitulada C’est là que l’on joue la comédie: les Casas da Ópera en Amérique Portugaise au XVIIIe siècle, tendo recebido a menção máxima “très honorable”. Atuou em diversos teatros líricos como o Stavovské Divadlo de Praga, o Theatro Municipal do Rio de Janeiro e o Palácio das Artes de Belo Horizonte tendo interpretado as óperas Così fan Tutte, Le Nozze di Figaro, Don Giovanni de Mozart, Un Ballo in Maschera de Verdi, Gianni Schicchi de Puccini, Les Pecheurs de Perles de Bizet, entre outras. Especializou-se em música antiga no Conservatorio di San Pietro a Majella de Nápoles (ITA) e desde então tem atuado em alguns prestigiantes festivais europeus como o Festival Internazionale di Venezia (ITA), Aste Nagusia Bilbao (ESP), Compostela Organum Festival (ESP), Festival Internacional de Órgão da Madeira (PRT), Festival Espazos Sonoros (ESP), Festival Internacional de Órgão de Braga (PRT), Festival do Estoril (PRT), entre outros. Foi diretora artística das produções de óperas barrocas do Festival Internacional de Música Antiga e Música Colonial Brasileira de Juiz de Fora (BRA). www.rosanaorsini.com

012.jpg
Marco_Brescia_Diamantina_foto_Kika_Antunes.jpg

MARCO BRESCIA (BRA/ITA)

Pianista, organista e cravista italiano de origem brasileira, Marco Brescia iniciou os seus estudos de piano com a sua mãe, Denise Orsini, prosseguindo-os com Sergio Magnani e Vera Nardelli. Venceu o X Concurso Nacional de Piano “Arnaldo Estrella” e obteve o prémio ao melhor pianista acompanhador no VIII Concurso Nacional de Cordas “Pro-Música”, ambos no Brasil. Em 2000 foi contemplado com uma bolsa do governo de Espanha para frequentar o Curso Internacional de Piano da Escuela Superior de Música Reina Sofía, ministrado por Russel Sherman em Santander. No ano seguinte, assistiu ao Curso Internacional de Música Antigua de Daroca, também em Espanha, sob a tutela de José Luis González Uriol, um autêntico ponto de inflexão na sua carreira, que lhe aguçou de forma inexorável o interesse pelos instrumentos antigos de tecla. Em 2013, concluiu um Mestrado de Interpretação da Música Antiga / Órgão Histórico (Escola Superior de Música de Catalunya / Universitat Autònoma de Barcelona), sob a direção de Javier Artigas, obtendo a prestigiante “matrícula de honor”, para além de um Doutoramento em Musicologia Histórica (Universidades Paris IV – Sorbonne / NOVA de Lisboa), com a obtenção da menção máxima, “très honorable à l’unanimité”. Como intérprete, quer o órgão, ao clavicórdio, ao cravo ou ao piano, Brescia é regularmente convidado para atuar nos mais prestigiados festivais e séries internacionais de concerto realizados em Itália, Espanha, Portugal, França, Inglaterra, Suíça, Alemanha, Hungria, Eslováquia, Brasil e Panamá. Principal promotor e coordenador técnico do restauro crítico do órgão histórico Almeida e Silva (1787) de Diamantina, Brasil, foi condecorado com a Medalha de Honra Presidente Juscelino Kubitschek. De entre a sua discografia, destaca-se o disco "Zipoli in Diamantina: Complete organ works" (Paraty, França, 2020), aclamado pela crítica especializada internacional (Diapason, Early Music, ResMusica, Scherzo, Journal für die Orgel, Orgelnieuws, Rondo). Desde 2015, Brescia é diretor artístico do FIO – Festival Internacional de Órgão de Vila Nova de Famalicão e Santo Tirso, Portugal.

www.marcobrescia.com

ARTIS BAILADO (PRT)

A ARTIS - Academia de Bailado nasceu em Vila Nova de Famalicão, fundada em setembro de 2018 pela professora Ana Filipa Costa. É uma academia certificada a nível internacional, vocacionada para o ensino da Dança Clássica e Contemporânea. Esta escola forma bailarinos a partir dos 3 anos de idade, contando com duas vertentes de ensino, consoante os objetivos de cada aluno: Ensino de Alto Rendimento ou Profissionalizante e Ensino Lúdico. Nestes 3 anos de existência, a ARTIS Academia de Bailado conta já com vários prémios internacionais e bolsas de estudo em Florença, Munique, Paris, Barcelona e Nova York para vários alunos estudarem fora do país. http://www.artis.dance/

Artis.jfif

Organização:  

Mecenas:

Apoio:

Tagus branca_edited.png
logo_JMS_white.png
STirso_white.png
Logotipo_Horizontal_CMFamalicão_white.png
PICE.png
REPUBLICA-branco.png
culturaNorte_white.png
bomorganum_white.png